Pseudônimo Mr. Queen, de Loraine Pivatto

Há oito meses a autora Loraine Pivatto entrou em contato comigo através do Skoob, questionando sobre meu interesse em participar do Book Tour de seu livro, o Pseudônimo Mr. Queen. Curiosa como sou, não brinquei em serviço e logo aceitei a oportunidade. Antes de qualquer avaliação, gostaria de agradecer imensamente pela confiança e garantir que aqui escrito está a minha mais sincera opinião.

"Ah! Os sobreviventes continuam os mesmos homens e mulheres da vida antiga, cheio de empáfia, arrogância e presunção. Ou talvez ainda piores. Mesmo com o mundo maravilhoso que tinham recebido, sem mortes prematuras ou doenças graves, sem discriminações e diferenças sociais, um mundo de fartura, no qual podiam dispor de todos os produtos e serviços existentes da natureza exuberante, as pessoas ainda se sentiam entendiadas, desvalorizadas ou aborrecidas"

Título: Pseudônimo Mr. Queen
Autora: Loraine Pivatto
Gênero: Distopia
Páginas: 404
Editora: Autora independente 
Avaliação

A temida profecia Maia é comprida, mas o que a população não imaginava eram ter novas oportunidades. As recentes regras, passadas através de sonhos são claras, agora serão duas vidas: a primeira até os 70 anos e a segunda inicia-se aos 20, finalizando aos 100. Nenhum segundo a mais e um total de 150 anos.

A atual sociedade não precisará sofrer com questões de desigualdade, dinheiro ou doenças. Todos possuem as mesmas oportunidades e a possibilidade de mortes prematuras não uma opção, exceto por uma maneira. Há uma forma de morrer, poucos sabem e este segredo deve ser guardado para salvar a espécie de si mesma.

É neste contexto que acompanhamos a vida de Regina, Larissa e Vitória. A primeira, respectivamente, é uma sobrevivente, ou seja, não morreu durante a transição para esta nova vida em 21 de dezembro. A segunda é neta de criação de Regina. Já Vitória fica com o papel da filha de Larissa. Conseguiu entender? Durante a leitura você vai situando cada personagem mais facilmente.

Regina é presidente de uma importante indústria no mundo passado, mas não se sente poderosa. Na verdade a mulher é bastante solitária e insegura. Isso tudo porque passou grande parte de sua vida sendo humilhada pelo pai e acaba de descobrir uma traição de seu marido. Mas, este novo mundo pode reservar ótimas oportunidades para ela.

Já mãe e filha são completamente opostas. Larissa é uma garota calma, de temperamento apaziguador e escuta todos os conselhos da avó. Vitória, por sua vez, é autoritária, gosta de tudo da sua maneira e durante a adolescente é um tanto quanto rebelde.

Conforme o passar dos anos, percebe-se o tédio iminente por parte das pessoas com toda a tranquilidade e direitos iguais. A humanidade começa a burlar as regras e criar sistemas de classificação, para assim poder destacar quem é melhor ou pior em determinadas áreas. E, é  a partir deste momento que alguns cidadães dão início a uma busca interminável pela resposta para a morte.

Atualmente o ser humano possui a tendência de avaliar com quem vai interagir de formas um tanto quanto questionáveis e no livro isso não é diferente. Exemplo disso é a rede social Hapiness Book, a qual você precisa estar postando constantemente para comprovar sua felicidade e conquistas para os outros. Lembrou de alguma coisa? A obra representa totalmente o presente.

Pseudônimo Mr. Queen também aborda outro ponto frequente nos dias atuais: a popularidade de artistas que são a representação de péssimas pessoas. Ao final das páginas, há a revelação de um alguém que cometeu atos terríveis e ainda assim é considerado um deus por seus fãs. Outra realidade da nossa sociedade atual.

Mesmo com uma escrita ótima por parte da autora, me senti perdida durantes as inúmeras passagens de tempo. Em alguns momentos eu tinha absoluta certeza que haviam passado anos, mas no seguinte descobria ser apenas um. Isso foi algo que me incomodou profundamente e me fez não dar cinco estrelas.

Vale ressaltar que há certos mistérios que envolvem a história, o principal sendo qual a maneira de morrer, seguido de quem é Mr. Queen? Todos eles resolvidos durante o final do livro.

3 comentários

  1. Oiii tudo bem?
    Esse realmente parece ser um livro incrível de se ler e a mensagem que é passada me deixa mais animada ainda a ler, não conhecia a obra e sei que adoraria realizar a leitura, a edição está bem bonita pela sua foto.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Oi tudo bem?
    Não conhecia a obra mas fiquei bastante curiosa para saber mais sobre o grande mistério, vou anotar a dica.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Esse livro parece ótimo, a temática me interessa bastante, justamente por ser tão real. Gostei mesmo, desejo muito sucesso para a autora.
    Sua resenha ficou ótima e a foto também!
    Beijoss!
    Páginas Empoeiradas

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.